GNR ministra o 1.º “Curso de Investigación y Apoyo a las Víctimas Específicas”

por Rua Direita | 2019.09.25 - 09:35

Entre os dias 16 e 20 de setembro, a Guarda Nacional Republicana ministrou o 1.º “Curso de Investigación y Apoyo a las Víctimas Específicas (CIAVE)”, no âmbito na Escola Ibérico-Americana de Polícia (IBERPOL), que teve lugar na Escuela de Oficiales de Policía ‘Doctor Justo Arosemena’, em Colón (Panamá).

O Curso CIAVE é um curso inicial de especialização e de qualificação, que visa proporcionar aos formandos a aquisição de conhecimentos relativos aos fenómenos da violência cometida sobre vítimas, de forma a contribuir para a qualidade e incremento do exercício dos direitos das mesmas, bem como melhorar o atendimento, a prestação de informação, o encaminhamento e a proteção das vítimas, sem esquecer o devido acompanhamento dos agressores.

Outro objetivo desta formação é contribuir a melhoria da qualidade da investigação dos inquéritos relacionados com as violências sobre as vítimas específicas, designadamente as cometidas em contexto familiar, assim como o emprego de técnicas de investigação e apoio que permitam lidar com a violência doméstica de uma forma profissional, do ponto de vista psicossocial e criminal.

A GNR disponibilizou dois especialistas em matérias de Violência Doméstica, os quais ministraram a formação a 15 elementos policiais oriundos de 8 países, nomeadamente da Colômbia, Chile, Equador, Espanha, Guatemala, Nicarágua, Panamá e Perú.

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub