Estudantes de Arquitetura da UC apresentam proposta para requalificação de Largos da Baixa de Coimbra

por Rua Direita | 2017.05.24 - 08:32

 

 

Ana Inês Fonseca, Décio Teixeira e João Casqueiro, estudantes de mestrado em Arquitetura da Universidade de Coimbra (UC), foram os vencedores do concurso “Estrutura Efémera – Ideias e Práticas” – propostas de ocupação para Largos da Baixa de Coimbra, promovido em conjunto pelo coletivo Há Baixa e pelo Sons da Cidade.

Dirigido a todos os alunos de Arquitetura da UC, o concurso teve como objetivo «desafiar os estudantes enquanto futuros arquitetos, mas também como agentes ativos da cidade, capazes de contribuir para a criação de novas possibilidades de pensar e experienciar a cidade, a partir do olhar multidisciplinar que constitui a criação de um projeto de arquitetura», explicam Carlos Brito, Carlos Fraga, João Peralta e Jorge Tomo Júnior, do coletivo Há Baixa.

Assim, foi proposto aos estudantes a apresentação de propostas de intervenções efémeras para implementação em três Largos da Baixa de Coimbra: Fornalhinha, Paço do Conde e Adro de Baixo, zonas com especificidades distintas mas com problemas comuns como, por exemplo, estacionamento desordenado.

Considerando a natureza do concurso e os recursos disponibilizados, a equipa vencedora apresentou um projeto «muito pragmático, simples e versátil que permitisse responder às especificidades de cada um dos largos e, principalmente, atrair mais pessoas para estes locais». Por isso, os jovens apostaram num material acessível: «paletes, porque nos permite construir o máximo possível a um custo reduzido. As estruturas que propomos para os três Largos – esplanada, pequeno anfiteatro ao ar livre, zona de leitura e espaços expositivos – são muito flexíveis e podem ser transformadas para outras iniciativas que os residentes promovam», salientam Ana Inês Fonseca, Décio Teixeira e João Casqueiro.

Com o recurso a paletes «é possível erguer um pavimento que tanto oferece uma marcação de espaços de permanência para o pedestre, como também impede o estacionamento dos veículos naquelas áreas», concluem os estudantes que concorreram porque entenderam que poderiam «contribuir para o desenvolvimento da Baixa de Coimbra».

O projeto vencedor será materializado no Departamento de Arquitectura da UC e irá integrar a 4ª edição do “Sons da Cidade”, a decorrer entre 17 e 22 de junho.

O júri do concurso atribuiu ainda duas menções honrosas às equipas constituídas por Inês Lopes e Catarina Pereira e por José Esteves e Afonso Cabral.

 

Cristina Pinto

AI UC Reitoria

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub