Conversas Design+Multimédia no Museu da Ciência

por Rua Direita | 2018.04.05 - 20:28

  O Ciclo de Conversas Design+Multimédia, um evento anual, iniciado em 2008, composto por palestras conduzidas por diferentes personalidades, está de volta ao Museu da Ciência da Universidade de Coimbra (UC).

 

Esta edição da iniciativa, organizada no âmbito dos cursos de Licenciatura e Mestrado em Design e Multimédia da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC), é constituída por três sessões que terão lugar a 11 de abril, 18 de abril e 2 de maio, às 14 horas. A entrada é livre.

Os convidados para a sessão de 11 de abril são: Maria do Rosário Martins (antropóloga), Diogo Fagundo (designer), Mariana Seiça (designer e investigadora) e Ângela Coelho (designer).

Programa completo: Ciclo de Conversas Design+Multimédia 2018

11 de abril (quarta), 14h

Maria do Rosário Martins (antropóloga)

Diogo Fagundo (designer)

Mariana Seiça (designer e investigadora)

Ângela Coelho (designer)

18 de abril (quarta), 14h

Nils Meisel (designer de som e músico)

Sara Orsi (designer multimédia)

2 de maio (quarta), 14h

Malo Lacroix (artista visual, performer e motion designer)

Andreia Pinhal & Luís Almeida (Distwort Studio) (artistas audiovisuais)

 

Sessão #1, 11 de abril (quarta), 14h

Maria do Rosário Martins (antropóloga) é coautora, com Maria Arminda Martins, do livro “Babá, Babu: Histórias de um Berço” sobre o Berço Hindu, dos finais do séc. XIX e oriundo de Goa (Índia) que, em 1904, foi doado à secção Antropológica da Universidade de Coimbra, sendo à época seu Director Bernardino Machado. Objeto protetor e cúmplice testemunhas de aconchegos e afetos é, também, um contador de histórias da mitologia hindu, uma caixa com segredos da sabedoria coletiva de uma civilização sem tempo. As suas faces mostram o Deus Vishnu que, ciclo após ciclo, defende a humanidade de perigos medonhos, restabelecendo as verdades da religião, assegurando o triunfo do bem sobre o mal e garantindo a harmonia do antes, do hoje e do que há de vir.

Berço Hindu

http://www.museudaciencia.org/index.php?module=content&option=collections&action=stories&idc=1

Maria do Rosário Martins: http://www.uc.pt/en/cia/people/mrosario

Diogo Fagundo (designer) realizou, no âmbito do seu Mestrado em Design e Multimédia da FCTUC, o filme de animação “O Berço Hindu – Histórias com Objetos” com a finalidade de dar a conhecer detalhes do objeto que estariam limitados a um estudo mais cuidado do mesmo. A sua apresentação irá debruçar-se sobre o processo de descoberta do Berço Hindu, a sua origem, significados relativos à religião Hindu e ao processo de construção de uma narrativa cinematográfica de caráter documental que dá a conhecer os episódios representados nas suas ilustrações. Diogo Fagundo é ex-aluno do curso de Mestrado em Design e Multimédia da FCTUC.

Diogo Fagundo

https://www.behance.net/dffagundo

Mariana Seiça (designer e investigadora), autora da banda sonora do filme “O Berço Hindu – Histórias com Objetos”, fará uma apresentação intitulada “O Som dos Dados – Sonificação Musical de Emoções Expressas no Twitter”. A entrada das novas tecnologias no quotidiano estabeleceu uma série de ferramentas de comunicação online diária, que permitiram aos utilizadores a partilha de opinião face a acontecimentos nacionais e mundiais. O seu projeto procura unir este fenómeno das redes sociais com a área da Sonificação, utilizando o Twitter para extrair emoções dos utilizadores e mapeando-as a variáveis musicais. O objetivo é então explorar o potencial da música em traduzir dados de uma natureza tão pessoal e complexa como as emoções humanas, criando novas formas de interpretação e compreensão das mesmas. Mariana Seiça é ex-aluna dos cursos de Licenciatura e Mestrado em Design e Multimédia da FCTUC.

Ângela Coelho (designer) fará uma apresentação intitulada “Sonificação Musical d’Os Lusíadas”, projeto inserido no campo da Sonificação Musical que consiste na construção de uma aplicação que mapeia os dados do poema épico português – Os Lusíadas – de Luís de Camões, em sons. A estrutura, características e intervenções das personagens são transformadas em diferentes abordagens sonoras que são ouvidas pelo utilizador. Para além disso, o utilizador pode navegar pelas diferentes divisões do poema e selecionar a informação e secção que pretende ouvir. Criando assim, uma nova forma de leitura e interpretação d’Os Lusíadas. Ângela Coelho é ex-aluna dos cursos de Licenciatura e Mestrado em Design e Multimédia da FCTUC.

Ângela Coelho

https://www.behance.net/aacoelho

https://vimeo.com/aacoelho

Sessão #2, 18 de abril (quarta), 14h

Nils Meisel (designer de som designer e músico), de descendência luso-germânica, divide a sua vida entre Berlim e Porto. É licenciado em Som e Imagem pela Escola das Artes da Universidade Católica do Porto e mestre em Science in Sound Design pela Escola das Artes da Universidade de Edimburgo com a dissertação “Critical sound design and intermediation”, uma abordagem crítica à funcionalidade em favor da poesia e do sublime. Tem trabalhado principalmente na área do teatro e performance.

Interessa-se pela exploração do fenómeno sonoro e composição experimental e improvisação. Fusco é um projeto seu dedicado aos sintetizadores/máquinas de ritmos analógicos navegando entre composição minimalista e complexidade de drones, com muito sub-baixo e sequeâncias Krautrockianas “a la” Klaus Schulze.

Nils Meisel

http://nilsmeisel.tumblr.com

Sara Orsi (designer multimédia) é licenciada em Arquitectura pela Faculdade de Arquitetura da Universidade do Porto e realizou o seu mestrado em Design de Comunicação e Novos Media na Faculdade de Belas Artes da Universidade Lisboa com a dissertação “Do Arquivo ao Novo”. Desenvolve o seu trabalho a partir da utilização da tecnologia digital como meio para expressar as suas investigações nas áreas dos media digitais e dos estudos culturais tendo como principal mote “o impacto da tecnologia digital na cultura contemporânea.” Sara exerce a sua atividade como web-designer e web-developer. Enquanto prática artística, desenvolve projetos no âmbito dos media digitais com o coletivo Anaa e em nome próprio. Sara é cofundadora do Arquivo 237, espaço cultural em Lisboa com foco nas áreas da Arquitectura, Design e Tecnologia.

Sara Orsi

http://www.saraorsi.com

Sessão #3, 2 de maio (quarta), 14h

Malo Lacroix (artista visual, performer e motion designer) nasceu em Cayenne (Guiana Francesa) e encontra-se sediado em Lyon (França). O seu trabalho desdobra-se em vários contextos específicos, desde a arte digital até à música de clubes e produção de vídeos. Tem uma larga experiência de colaboração com artistas em clubes e em festivais em vários locais da Europa. A estética do seu trabalho encontra-se focada na representação figurativa transformada em luzes móveis abstratas. Com um gosto pela forma fundamental multicamadas, ele também entrou na exploração do corpo, simulação de luz indefinida, autorrepresentação, complexidade de relacionamento e paisagem assombrada através da situação narrativa. Usa uma ampla gama de ferramentas para distorcer a forma, tal como tinta, produção de software, espelhos, filme, metal, vidro e o próprio corpo/pele como meio e como superfície.

Malo Lacroix

http://www.malolacroix.fr

http://www.behance.net/malolacroix

Andreia Pinhal & Luís Almeida (artistas audiovisuais) formaram em conjunto o Distwort Studio que, nas palavras dos próprios, “é o momento entre a implosão de som e explosão de visuais, uma experiência sinestésica que ecoa por diferentes meios de comunicação, criando uma fusão entre o mundo analógico e o digital. São, essencialmente, as mentes de unkoda e avDOX”. Distwort Studio é o nome pelo qual trabalham “dois artistas visuais que vêm este mundo lindamente distorcido”. Andreia Pinhal e Luís Almeida são ex-alunos dos cursos de Design e Multimédia da FCTUC.

Andreia Pinhal & Luís Almeida (Distwort Studio)

https://www.instagram.com/distwortstudio

Ciclo de Conversas Design+Multimédia 2018

Organização:

DEI-FCTUC – Departamento de Engenharia Informática da FCTUC

https://www.uc.pt/fctuc/dei

DArq-FCTUC – Departamento de Arquitectura da FCTUC

https://www.uc.pt/fctuc/darq

Museu da Ciência da Universidade de Coimbra

http://www.museudaciencia.org

Apoio:

Festival Forte

 

 

Cristina Pinto

AI UC Reitoria

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub