Câmara vai criar parque para turismo de natureza, potenciando o rio menos poluído da Europa, o Paiva

por Rua Direita | 2017.05.11 - 08:20

 

 

A candidatura já foi aprovada e as obras poderão arrancar em breve. A primeira fase do projeto do “Parque Natureza do Alto Paiva” vai contemplar, para já, a criação de um percurso pedonal ao longo do rio Paiva, o curso de água menos poluído da Europa, e outro motorizado através das vias nacionais e municipais que atravessam o território entre as aldeias do Senhor dos Aflitos e Segões. Tudo numa área do concelho que pertence à Rede Natura 2000 (1414 hectares), espaço que apresenta grande biodiversidade, cujo valor biológico é inestimável, constituindo-se mesmo como um elemento identitário. “Trata-se de uma herança natural que devemos gerir e preservar de modo a poder transmiti-la às gerações futuras”, enfatiza José Eduardo Ferreira, presidente da Câmara Municipal de Moimenta da Beira.

A primeira fase da candidatura (aprovada pelo “Portugal 2020”) inclui ainda a realização de um estudo sobre a fauna, flora e habitats do território para futura publicação e a criação de um portal digital interativo. O número de visitantes estimados em 2020 aponta para cinco mil por ano.

Depois, para a segunda fase, cujo projeto está já em execução, serão criados no parque uma rede de vários passadiços, um centro de interpretação ambiental, duas estações de biodiversidade, um edifício para receção do turista, com loja de conveniência e lembranças, entre outras infraestruturas de apoio e promoção turística. Tudo em ligação com o planalto da Nave, circunscrito aos limites administrativos do município de Moimenta da Beira, planalto que encerra um importantíssimo conjunto de 24 monumentos megalíticos; e ainda em ligação com a nascente do rio Paiva, na aldeia de Carapito, freguesia de Peravelha.

O centro interpretativo será um local de desenvolvimento de projetos educativos ligados à fauna e flora, e ainda o estudo e divulgação dos costumes das aldeias tradicionais integrantes: Senhor dos Aflitos, Granja do Paiva, Ariz, Soutosa, S. Martinho, Peva e Segões.

A aposta na designação “Alto Paiva” foi a eleita tendo em conta dois objetivos: atrair turistas ao rio menos poluído da Europa, aproveitando a afamada distinção ambiental como uma mais-valia; e desvendar a sua planáltica nascente granítica.

 
Rui Bondoso
(Gabinete de Comunicação

Projecto na área da comunicação social digital, 24 horas por dia e 7 dias por semana dedicado ao distrito de Viseu

Pub